Medicina personalizada na América Latina: universalizando a promessa de inovação

No relatório “Medicina personalizada na América Latina: universalizando a promessa de inovação”, a Economist Intelligence Unit descreve o estado atual, barreiras, facilitadores e áreas de oportunidade de cuidados de saúde personalizados em nove países: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica , Equador, México, Peru e Uruguai.

O maior progresso da medicina personalizada até agora está na oncologia e no campo das doenças raras. Hoje, uma série de desenvolvimentos está aumentando drasticamente a capacidade dos médicos para compreender os fatores específicos que afetam cada paciente, permitindo adotar planos de prevenção e tratamento muito mais personalizados. 

Par acessar o relatório na íntegra, basta clicar em: https://pages.eiu.com/rs/753-RIQ-438/images/PT%20EIU%20Personalised%20medicine%20AL%20report%20RGB%20FULL.pdf

14º Fórum da Alianza Latina


  • 14º Fórum Alianza Latina – Melhores Práticas para o 3° Setor da Saúde - 12 e 13 de dezembro.

    Veja

Rede Alianza Latina

  • Missão

    Promover a capacitação, profissionalização e cooperação entre organizações de apoio ao paciente para melhorar, de forma contínua, a qualidade de vida dos pacientes na América Latina.

  • Visão

    Ser o maior interlocutor frente aos órgãos de saúde e governos na América Latina.